Páginas

INCERTEZAS

Se um dia sentir saudades
do meu olhar
ou sentir uma louca vontade 
de comigo falar, 
não tenha receio, pode me procurar

Quebre o orgulho e não desvie o olhar

E se um dia alguém lhe perguntar
 o que aconteceu e porque 
de mim você se perdeu,
não diga nada, ou melhor, 
diga que não sabe...

Jamais conte nossos segredos

Talvez um dia possamos 
descobrir, ou não, que o nosso amor 
foi a mais pura ilusão

Nossos mundos inclinam-se
para lados opostos e jamais se encontrarão

Não temos culpa se fomos unidos
num momento de solidão que fez emergir, 
em nossas vidas, recordações de um 
passado imperfeito vivido ao sabor 
de nossas alegorias

Mas, se um dia sentir saudades...
não tenha receios, 
pode me procurar

O tempo passa...
O passado é estático...
O presente é real...
O futuro é incerto...

A vida também passa 
e nesse vai e vem...

P0106.2007.06
Copyright © 2007 by Magno R Almeida