Páginas

ANGÚSTIA NOTURNA

 Noite angustiante.
As idéias somem do pensamento...
As letras somem do teclado...

A fumaça do cigarro
esvai-se mais depressa

A nicotina mistura-se
com o aroma do conhaque

O meu protetor de tela diz:
Vai dormir, maluco! São 2:09h!

Tento ser obediente,
mas a insônia não deixa...

Vejo minha alma crucificada
na cruz das incertezas
enquanto a solidão transita
esguia pelo ambiente
e paira sobre a minha cabeça
arrebatando o que resta
dos meus pensamentos

Assim,
as horas vão passando
no tic-tac cadenciado do relógio
nesta angústia noturna...

P0120.2007.07
Copyright © 2007 by Magno R Almeida